Post

5 dicas para alugar um barco para mergulhar de snorkel & scuba

15 de Setembro de 2019

O Brasil possui uma infinidade de locais acessíveis ao longo da costa onde a prática do mergulho é possível.

 

Alugar um barco permite que os mergulhadores possam se locomover com maior conforto e segurança, além de ter maior flexibilidade com relação ao horário e a escolha dos melhores guias e locais de mergulho. 

 

Os destinos que o Brasil oferece para essa prática vão desde costões, lagos, represas, praias e piscinas naturais até ilhas e parques marinhos protegidos pelas leis de proteção ambiental. Nesses locais é necessário um estudo prévio dos locais autorizados para a prática e os limites que os mergulhadores devem se atentar. Tudo isso para ajudar na preservação desses ecossistemas e evitar problemas com a fiscalização. 

 

Independente da sua experiência como mergulhador existem muitas coisas que podem dar errado antes mesmo de cair na água. Estar preparado para o trajeto, se planejar com antecedência e estudar as características do local visitado são primordiais para que dê tudo certo na sua viagem e mergulho. 

 

Separamos algumas dicas que vão facilitar o seu checklist para garantir a melhor experiência antes, durante e depois da viagem.


 

1- Alugue um barco com guia experiente


Além de se preocupar com o aluguel do barco tenha certeza de que o capitão conhece bem os melhores pontos para mergulho e certifique-se de que as condições do tempo estão favoráveis. 

 

Pergunte sobre as características dos locais de mergulho, quais são os equipamentos de mergulho e segurança disponíveis na embarcação, e certifique-se sobre as condições dos itens, a capacidade do barco e a experiência do seu guia. 

 

2- Defina o que você vai precisar levar para a viagem

 

Lembre-se de planejar sua viagem além do mergulho. Compre passagens, reserve acomodações, serviços e o seu barco com guia com antecedência. Lembre-se também que alguns locais solicitam certificações e a capacitação prévia dos mergulhadores. Leve todos os documentos pessoais necessários, equipamentos de acordo com a complexidade do mergulho e complete seu check list. 

 

3- Cheque seus equipamentos

 

Garanta que os seus equipamentos estão em condições de uso e não deixe nada para a última hora, assim você evita surpresas desagradáveis e prejuízos que poderiam ser evitados. Confira, também, se os equipamentos que o barco oferece estão em condições plenas de uso e se houver qualquer dúvida a respeito da sua segurança adie seu mergulho. 

 

4- Leve sua câmera!

 

Nada pior que planejar todos os detalhes, ter um ótimo dia de mergulho e não deixar nada registrado. Por isso, não esqueça da sua câmera a prova d’água. Muitos registros memoráveis podem ser feitos durante uma viagem como essa e você não vai querer perder essa oportunidade.

 

5- Pense na sua saúde primeiro

 

O corpo humano sofre alterações no seu funcionamento e é submetido à condições de esforço durante um mergulho devido à pressão. 

 

Isso pode ocasionar exaustão dos músculos, pulmões e em situações extremas pode causar danos irreversíveis. Por isso prepare seu corpo. Faça exercícios regularmente e tente estar em sua melhor forma física e psicológica antes de mergulhar. 

 

Pensar na saúde é garantir um mergulho sem imprevistos e com muita diversão. Monte um kit de primeiros socorros para garantir o mínimo atendimento caso o barco não possua o seu próprio. 

 

Preparado? Bora mergulhar!

 

Equipe Bnboats